Condes de Cantanhede

SENHORES, CONDES DE CANTANHEDE, MARQUESES DE MARIALVA

Conde de Cantanhede foi um título nobiliárquico criado a 6 de Julho de 1479, pelo Rei dom Afonso V , a favor de dom Pedro de Meneses. Este título substituiu o de Senhor de Cantanhede.

Brasão de Armas dos Senhores e Condes de CantanhedeD. Gonçalo Teles de Meneses (1° Conde Neiva e Faria, 1° Senhor de Cantanhede)por carta de 27 de Janeiro de 1392, sendo-lhe confirmada a posse do título a 2 de Fevereiro de 1392 (*c1335 +28/06/1403). Filho de D. Martim Afonso Teles de Meneses e Aldonça Anes de Vasconcelos. Casado com Dª. Maria Afonso de Albuquerque.

D. Martinho de Meneses (2° Senhor de Cantanhede) (*c1375). Casado com Tereza Vaz Coutinho.

D. Fernando de Meneses (3° Senhor de Cantanhede) (*c1400). Casado com Brites Freire de Andrade.
D. Duarte, na Vila de Óbidos, deu-lhe uma carta de confirmação de doação em 1434 e D. Afonso V confirmou-lhe a posse do reguengo a 4 de Novembro de 1450.

D. João de Meneses  (4° Senhor de Cantanhede) (*1425). Casado com Leonor da Silva.

D. Pedro de Meneses (5° Senhor de Cantanhede, 1° Conde de Cantanhede) (*c1450 +11/1518). Casado 1° com Dª. Leonor de Castro, 2° com Dª. Brites Soares de Melo e 3° com Dª. Guiomar Coutinho.
Foi feito 1° Conde de Cantanhede como gratificação de D. Afonso V, por ter servido na batalha do Toro em 1476. Também serviu em África. Afonso V confirmou-lhe a sucessão como Conde de Cantanhede, em 6 de Agosto de 1479, e em 15 de Junho de 1480, em Vila Viçosa, tornou-o Conde, sendo mais tarde, em 1497 confirmado por D. Manuel I.

D. Jorge de Meneses (6° Senhor de Cantanhede) (*c1490) Casado com Leonor de Sotomaior.

D. João Santos de Meneses Sotto Mayor (7° Senhor de Cantanhede) (*c1510) Casado 1° com Dª. Constança de Noronha, e 2° com Dª. Margarida da Silva de Menezes.
D. João III fez couto de caça todo o termo da sua vila a 24 de Novembro de 1533, sendo confirmado por D. Sebastião em 1559.

D. Pedro de Meneses (8° Senhor de Cantanhede) (*c1530). Casou 1° com D. Luisa de Noronha e 2° com  Dona Inês de Zuñiga

D. António de Meneses (Filho de Pedro de Meneses e Dona Inês de Zuniga (2° casamento)). (*1560). Tendo morrido em Álcacer Quibir, foi seu filho, que teve com Dona Inês de Ávila, que succedeu. Obteve carta de confirmação a 25 de Maio de 1576.

D. Pedro de Meneses (9° Senhor e 2° Conde de Cantanhede) (*c1580 +15/01/1644). Casou com Dª. Constança de Gusmão. Foi Presidente do Senado da Câmara de Lisboa.

D. António Luís de Meneses (10° Senhor, 3° Conde de Cantanhede, e 1° Marquês de Marialva), título concedido por D. Afono VI pela acção no 1° de Dezembro de 1640 e na Guerra de restauração que lhe seguiu, principalmente na vitória de Montes Claros. (*13/12/1603 +19/05/1675). Casou com Dª. Catarina Coutinho.
Os seus restos mortais e relíquias encontram-se depositadas no sarcófago do átrio da capela de Na Sa da Conceição do antigo convento de S° António dos Capuchos, na sua terra natal. O coração que legou ao seu rei D. João IV repousa no panteão do convento de S. Vicente de Fora, em Lisboa.

D. Pedro de Meneses (11° Senhor, 4° Conde de Cantanhede e 2° Marquês de Marialva), título dado por Afonso VI, em carta de 15 de Junho de 1661)(*31/03/1658 +18/01/1711). Casado com Dª. Catarina Coutinho.
Foi gentil-homem da câmara dos reis D. Pedro II e D. João V. Foi Presidente da Junta do Comércio (por 1692). Serviu como estribeiro-mor e mordomo-mor de D. Pedro II, tendo posteriormente integrado o Conselho de Estado (1704) e do Despacho de D. João V (1706). Deistinguiu-se como mestre de campo do Terço de Cascais nas campanhas da Beira (Guerra de Sucessão de Espanha) por 1704.

D. Diogo de Noronha (3a Marquês de Marialva por matrimonio com:) (*12/11/1698 +11/09/1759)

Da. Joaquina Maria Madalena da Conceição e Meneses (12° Senhor, 5a Condessa de Cantanhede, 3a Marquesa de Marialva) (*22/07/1691 +08/05/1740). Casada com D. Diogo de Noronha.

D. Pedro António José de Meneses Noronha Coutinho (13° Senhor, 6° Conde de Cantanhede e 4° Marquês de Marialva) (*09/11/1713 +22/02/1799). Casado com Dª. Eugénia de Assis Mascarenhas.

D. Diogo de José Vito de Meneses Noronha Coutinho (14° Senhor, 7° Conde de Cantanhede e 5° Marquês de Marialva) por carta de 23 de Dezembro de 1785) (*15/06/1739 +13/8/1803). Casado com Margarida Caetana de Lorena.

D. Pedro José Joaquim Vito de Meneses Coutinho (15° Senhor, 8° Conde de Cantanhede e 6° Marquês de Marialva) por carta de 14 de Abril de 1795)(* c1775 +22/11/1823). Ficou solteiro.
Brigadeiro (1807), foi estribeiro-mor de D. Maria I e director do Arquivo Militar.

Esse último não tendo descendência, o reguengo volta para a Coroa.

Fonte destas informações : c.geneal.over-blog.com

linha separadora

Clique nos nomes das freguesias abaixo para saber mais sobre cada uma delas:

Ançã Bolho Cadima Camarneira Cantanhede Cordinhã Corticeiro Covões Febres Murtede Ourentã Outil Pocariça Portunhos S.Caetano Sanguinheira Sepins Tocha Vilamar